Uma casinha azul

9.12.16


Aos nos depararmos com o tanto de coisa acontecendo neste mundo, podemos pensar que é um plano muito grande querer abraçá-lo.

E realmente o é. Inclusive pode-se dizer que é uma insanidade pensar ser possível tal prodígio.

Não é para isso que estamos aqui.

Mas na medida que vamos adquirindo consciência de viver sobre tudo o que nos rodeia, torna-se mais fácil a percepção da imensa engrenagem de amor que nos cerca e da qual fazemos parte.

Sala de aula

É por este amor que nosso planeta existe. Uma sala de aula propícia para nosso atual estágio evolutivo.

Aqui encontramos os elementos necessários para nosso aperfeiçoamento, e também para resgates de vidas passadas.

Espíritos imperfeitos como somos, acabamos por tropeçar em muitas pedrinhas ao longo do caminho. Essas pedrinhas são os sentimentos inferiores que ainda não conseguimos expulsar por completo de nosso íntimo, mas que aos poucos vão sendo contornados, enfrentados e superados, fazendo com que avancemos no aprendizado infinito.

E nossa atual morada é a sala de aula. Uma pequena casinha azul a nos receber. Pequena sim se comparada a tantas outras pelo universo desconhecido.

Universo este, perceptível a quem tem a coragem de reconhecê-lo em si mesmo.

E pensar que existem tantas outras por conhecer.

Você poderá gostar também

0 comentários

Comunidade no Facebook

Unalome no Google Plus